Notícias da Web

Cultura de paz

 

21 de maio: Dia Municipal da Paz de Igarassu

 

EdmarioJobat*

 

O ano 2000 foi instituído como “Ano Internacional da Cultura de Paz e não Violência” pela UNESCO. Organizações se mobilizaram ao redor do mundo dentro daquela proposta. Em Igarassu, a ONG Fiat Lux - OFL (hoje extinta) criou o projeto Igarassu pela Paz e propôs aos poderes públicos a criação de um dia municipal dedicado à Paz. Encaminhada à Câmara, a proposta transformou-se na Lei 2.328 de 20/03/2000, instituindo 21 de maio como Dia Municipal da Paz.

No mesmo ano, a OFL organizou o encontro “Igarassu: cidade-âncora da Paz”, com as presenças dos representantes da UNESCO, Câmara Municipal de Igarassu, ONG Tortura Nunca Mais, Projeto Paz pela Paz e não-violência e da organizadora do evento, que contou com a parceria - nas atividades externas na Praça de Cruz -, dos Escoteiros e artistas locais. Em 2001 a OFL promoveu o Ciclo de Palestras Paz na Terra com seis palestrantes locais, estaduais e nacionais, além do Vamos Cantar a Paz - no Espaço Mexe Remexe -, que contou com a participação de Nando Cordel, artistas, cantores, bandas locais e de Abreu e Lima a exemplo de Uia, banda Tripa Gaiteira e João Salviano.

A ONG extinguiu-se e deixou seu legado: um dia de atividades pela paz que é um convite a cada pessoa, famílias, grupos, coletivos, igrejas, escolas, empresas, órgãos públicos a desenvolverem atividades dentro dos seus espaços ou coletivamente, pois se uma palavra e um gesto provocam a violência, outras palavras e outros gestos promovem a Paz.

Em 2018 o publicitário e artista-poeta-cartoneiroEdmarioJobat, co-fundador da OFL e co-criador do projeto Igarassu pela Paz, criou, através do seu ateliê Vila de Cosmos, a Ação Civil pela Cultura de Paz e Inclusão Social, que se transformou em 2019 na Appaz - Ação Civil pela Cultura de Paz, um processo de sensibilização civil, eclético e desvinculado de “ismos”, que promoveu mais de 30 visitações entre ONGs, escolas, religiões, coletivos feminino e LGBT, artistas, centro cultural, bibliotecas, shopping, restaurante, programa de rádio, escoteiros, Agenda 21 local, jornal regional, escola técnica, faculdades e transportadora.

* Publicitário e poeta


COLUNAS


OPINIÃO