Notícias da Web

GR NAS RUAS - Fernando Melo

 

Julho de 2018

 

IGARASSU

 

Há vários anos os moradores da Beira Mar I convivem com um grave problema da falta de saneamento básico. Existem ruas onde os resíduos domiciliares correm a céu aberto pelas vias públicas, mas, algumas localidades foram implantadas galerias de drenagem que terminam despejando os resíduos no manguezal, contaminando o ecossistema e o Rio São Domingos.

 

ABREU E LIMA

 

Cemitério

 

 

Moradores da Rua da Alegria, no bairro jardins Caetés reclamam da sujeira retirada do Cemitério Municipal Santa Antônio. Segundo relato da comunidade os funcionários que realizam a manutenção do cemitério estão expondo todo lixo e restos de catacumba em plena rua a céu aberto. Este lixo permanece durante semanas obstruindo canaletas e o transito de pedestres e automóveis.

Fonte: Portal Abreu e Lima em destaque

 

 

ITAPISSUMA

 

A ponte Getúlio Vargas, que faz a ligação da Ilha de Itamaracá com a cidade de Itapissuma, passou por um processo de restauração do guarda corpo na passarela de pedestres, entretanto ainda faltam a restauração da estrutura inferior da ponte e a colocação da iluminação. Os motoristas que fazem a travessia para a ilha reclamam da escuridão no local.

 

PAULISTA

 

As ocupações irregulares estão tomando conta de uma área de manguezal às margens da ponte do Janga. A notícia teve uma enorme repercussão negativa nas redes sociais e levou a CPRH a tomar uma atitude. Para o leitor André Magalhães, lamentavelmente as prefeituras municipais fecham os olhos para as agressões ambientais.



OLINDA

 

Carroças atrapalham o trânsito

 

O leitor Antônio Batista reclama dos cavalos soltos pelas vias públicas, assim como as carroças circulando entre os automóveis, causando acidentes e atrapalhando o fluxo. Até quando iremos conviver com essa situação? Questiona.


COLUNAS


OPINIÃO