Notícias da Web

GR NAS RUAS

Fernando Melo

Junho de 2016

 

Vila Torres Galvão

O abandono da cidade do Paulista pelo governo municipal, também atinge o bairro da Vila Torres Galvão. O mato toma conta dos canteiros, os calçamentos das ruas vão-se aos poucos por falta de manutenção e o lixo acumulado é presença marcante.

Abaixo, nós retratamos a situação da Rua Cassimiro de Abreu, rua 13 de maio e rua Padre Anchieta . Os moradores estão revoltados com a situação. A dificuldade de ir e vir é imensa, principalmente para os idosos.

Quem precisa tomar ônibus para se deslocar da cidade, ainda conta com o descaso do governo estadual, que não faz a capinação devida. O mato muito alto dificulta a visão e facilita a ação dos marginais.

 

Conselho de Educação

O Conselho Municipal de Educação de Paulista, que já funciona em condições precárias pois não dispõe de espaço próprio, dividindo sala com outros conselhos e muito menos de material de apoio como telefone, internet, impressora, papel, etc fatos que foram denunciados ao Ministério Público, agora está sendo obrigado a ocupar o antigo prédio da Secretaria de Educação que foi desocupado por não ter condições de funcionamento. Eu na condição de Presidente licenciada trago a público mais um descaso do prefeito com a educação de Paulista.

 

IGARASSU 1

Os moradores do Residencial Caminho das águas localizado no Sitio dos Marcos, reclamam da escuridão na principal via de acesso a comunidade. Todos os postes estão com as lâmpadas queimadas. Segundo informações de moradores, já houve solicitação para reposição das lâmpadas, mas não foram atendidos, eles cobram uma solução para o problema.

 

IGARASSU 2

Uma localidade que dá acesso ao centro de Igarassu, as margens da estrada de Nova Cruz se transformou num lixão a céu aberto. Tamanha é a quantidade de entulhos e lixo amontoados que, com as chuvas, alguns objetos acumulam água, virando criadouro de mosquitos. 
Segundo um morador próximo da localidade “a sujeira vem causando a reprodução de ratos e insetos, as pessoas não respeitam o ambiente e jogam toda porcaria nesse terreno”. Uma rota de turismo se depara com um lixão a céu aberto.

 

ITAMARACÁ

As ruas do loteamento Praia do Forte, localizado na Ilha de Itamaracá, estão precisando de melhorias urgentes.  As chuvas causaram enormes estragos nas vias, devido à ausência de drenagem. Como não existe pavimentação, os moradores não estão conseguindo trafega na localidade. Pagamos o IPTU para ao menos ter acesso a nossas residências.

Marcos Antônio, Ilha de Itamaracá

 

OLINDA

A situação alarmante do Sitio Histórico da Cidade Patrimônio da humanidade, tem chamado atenção dos visitantes. Em várias ruas e ladeiras da cidade alta, buracos e esgoto a céu aberto escorrendo pelas vias. Os moradores do bairro também alegam falta de policiamento na localidade, assaltos e arrombamentos de imóveis vêm acontecendo com freqüência. Algumas ruas estão interditadas devido aos buracos no calçamento.

Gustavo Santos, Olinda

 

Abreu e Lima

Com a inauguração do Terminal Integrado de Abreu e Lima, a linha Caetés I será desativada, passando para o novo terminal. Nós, moradores de Caetés II, usuários da referida linha, não aceitamos a sua desativação, que vai ocasionar maior tempo de viagem até o TI Macaxeira. Solicitamos ao Grande Recife Consórcio de Transportes que resolva a situação.

 

Alfredo Leão, Caetés II


COLUNAS


OPINIÃO