Notícias da Web

Reflorestart ajuda a repor mata ciliar
Alunos de escolas de Igarassu, Itapissuma e Araçoiaba participaram da ação

Em sua quarta edição, o Reflorestart - projeto de reflorestamento de matas ciliares dos rios que compõem a Bacia Hidrográfica de Botafogo - plantou cerca de 2.500 árvores, no último dia 13, ajudando a recompor parte da mata ciliar do Rio Cumbe, no Engenho Campinas, em Igarassu. Realizado pela São José Agroindustrial, em parceria com a Alcoa, CTR-PE, Prefeitura de Igarassu, Compesa, Du Pont, Stampa Outdoor, Itamaracá Transportes e Prata do Vale, o evento reuniu dezenas de alunos de escolas de Igarassu, Itapissuma e Araçoiaba.

O Reflorestart atua em duas frentes: uma ecológica - recompondo a cobertura florestal -, e outra pedagógica, conscientizando crianças e adolescentes da importância da preservação do meio ambiente. O Rio Cumbe é um afluente do Rio Botafogo, cuja bacia hidrográfica abastece os municípios da zona norte da Região Metropolitana do Recife.”Estamos aqui ajudando a preservar o planeta, o que significa preservar a vida”, afirmou a gerente de Recursos Humanos da São José e coordenadora geral do Reflorestart, Márcia Gonçalves.

O evento contou com o apoio das prefeituras de Igarassu, Itapissuma e Araçoiaba, Agenda 21, Condema, Refúgio Ecológico Charles Darwin, Nós Podemos Igarassu e JL Silk Serigrafia.

A atuação da São José Agroindustrial na área ambiental já rendeu diversos prêmios à empresa, como o Vasconcelos  Sobrinho - 2006,  o Prêmio  Sustentabilidade Ambiental (2011,  2012 e 2014),  do Sistema Fiepe.


COLUNAS


OPINIÃO